Ouça nossa webradio

sábado, 31 de dezembro de 2011

O cara que veste a camisa


Neste final de ano quero mandar mensagem para todas as minhas amigas e meus amigos, na pessoa desse elemento que aí está no retrato exibindo orgulhosamente a camisa do nosso programa “Alô comunidade”, da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares. Antes, lamentar que o Ministério das Comunicações tenha mandado ofício anunciando que o pedido de outorga da Rádio Zumbi foi rejeitado. Faltou de nossa parte mais empenho, mais luta e mais organização. Também não tivemos apoio político, apadrinhamento e outras práticas que aviltam o movimento de rádios livres e comunitárias.

Entretanto, o ano de 2012 foi marcante porque conseguimos editar 28 programas de rádio com uma marca: a da fidelidade aos princípios do radialismo comunitário. O “Alô comunidade” foi no sacrificio. Viveu de dedicação de alguns, citando Adriana Felizardo, Fabiana Veloso, Dalmo Oliveira, Jacinto Moreno, Ricardson Dias, Clévia Paz e este locutor que vos fala.

Um de nós assumiu, na íntegra, o espírito do radialismo comunitário, aquele que é feito de improviso, técnicas alternativas e paixão. É justamente esse cabra, o Marcelo Ricardo da foto aí de cima, idealizador e comandante da Rádio Comunitária Diversidade, a única que ainda vive esse espírito de comunicação democrática e popular na grande João Pessoa, das que ainda resistem, exceção feita à nossa Zumbi.

Escravizados até a sétima alma pela grana que destrói coisas belas, elementos daqui empobreceram o sentido de radialismo comunitário. Teve gente que recebeu outorga do Ministério das Comunicações e opera como relés rádio de baixa extração, de aluguel, a serviço apenas de interesses mercantis. Para esses, nosso repúdio e desprezo. Para pessoas como Marcelo Ricardo, radialista comunitário convicto, nosso alô e nosso reconhecimento.

Aí vem 2012 com sua cara de novo, mas com a mesma safadeza. Ninguém se engane: 2012 é 2011 disfarçado. A alma que não se corrompeu em 2011, não o fará no ano que vem. O crápula de 2011 terá sua segunda chance em 2012 e jogará fora, porque não se pode mudar a natureza das coisas. A mais nobre massa da evolução, nossa massa encefálica, essa estará mais velha e cansada, precisando de mais repouso. Portanto, desejo mais energia para os bons e uma ligeira batida de motor para os safados de todos os naipes.

E 2012 arretado para os quatro ou cinco leitores da Toca do Leão.

www.fabiomozart.blogspot.com

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

"Alô comunidade" deste sábado homenageia Wander Farias


O cantor e violonista Wander Farias (foto) recebe homenagem póstuma no programa “Alô comunidade” deste sábado, 31 de dezembro, na Rádio Tabajara AM. O artista, que faleceu em 28 de dezembro, ficou conhecido por sua atuação durante muito tempo na noite pessoense, tanto tocando em bares quanto atuando em projetos culturais.

Na última edição do programa em 2011, o entrevistado é o artista popular Mestre Brown, mestre de Reisado, Cavalo Marinho, Bumba-meu-boi e ciranda. Toca rabeca, pandeiro, ganzá e reco-reco. É ventríloquo e interpreta as 76 figuras do Cavalo Marinho. O nome da fera: Charles Brown, ou Mestre Brown.

_______________________________________________________

O “Alô Comunidade” é produzido pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares e transmitido pela Rádio Tabajara (1.110 AM), reproduzido por sete rádios comunitárias e diversos blogs e sites.

O programa vai ao ar todos os sábados às 14h, com apresentação e produção de Dalmo Oliveira, Fábio Mozart, Clévia Paz e Adriana Felizardo, com reportagem de Fabiana Veloso e Marcos Veloso. Apoio técnico de Marcelo Ricardo e Jacinto Moreno.

Na internet, acesse o programa nos blogs:

www.radiozumbijp.blogspot.com

www.diretodosanhaua.blogspot.com

www.fabiomozart.blogspot.com

Ex-deputado expulsa vereador de rádio comunitária em Esperança/PB


Vereador José Adeilton, conhecido por Amazan (PSC), concedia entrevista aos repórteres Júnior César, Otílio Rocha e Silvana Ramos.

O ex-deputado Federal Armando Abílio (foto) está sendo acusado de ter expulsado, na manhã desta quinta-feira (29), do estúdio da rádio comunitária BAN FM, o vereador José Adeilton, conhecido por Amazan (PSC).

Segundo informações dos que estavam no recinto, em uma ação "truculenta e sem justificativa", Armando colocou o vereador para fora do espaço onde estava concedendo entrevista aos repórteres Júnior César, Otílio Rocha e Silvana Ramos.

Essa não é a primeira vez que Abílio se desentende com a imprensa, segundo relatos dos que trabalham na rádio comunitária administrada por ele. O pré-candidato a Vereador Joelmir Ribeiro estaria sendo ameaçado de ter seu programa cortado da grade de programação caso não se filiasse ao PTB, como também o jornalista Otílio Rocha foi afastado do seu programa jornalístico por não comungar com a ideologia de Abílio.

No ano de 1999, surgia a Associação Assistencial e Comunitária de Esperança, sendo esta associação sem fins lucrativos e com forte influência política de Armando. Em 2003, a Rádio Comunitária Banabuiê recebeu a outorga, através de tráfico de influência do então deputado federal Armando Abílio, que controla a emissora, segundo se comenta na cidade.


quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

EMPRESA FERROVIÁRIA ESTATAL FAZ PARCERIA COM RÁDIO COMUNITÁRIA EM JOÃO PESSOA/PB


A CBTU JOÃO PESSOA firmou parceria com a Rádio Comunitária Revolucionária, do Renascer II e III, para a veiculação de dicas de segurança e os horários de funcionamento dos trens.

O objetivo dessa parceria é levar aos ouvintes da rádio as mensagens da Companhia, bem como se aproximar ainda mais dos moradores das comunidades.

De acordo com o superintendente da CBTU JOÃO PESSOA, Lucélio Cartaxo, com o apoio das rádios comunitárias a CBTU pode levar a sua mensagem mais longe e com isso alertar aos moradores sobre os riscos de acidentes e de como melhor utilizar o transporte ferroviário.

Já para o diretor da emissora, Rosinaldo Alves, a parceria será mais um serviço de utilidade pública para os moradores do Renascer.

Demais emissoras de rádios comunitárias ou difusoras interessadas em participar desse projeto devem procurar a Coordenadoria de Comunicação e Marketing - Comak, na Capital, ou através do telefone 3241-4240, ramal 217.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Programa ALÔ COMUNIDADE


A edição natalina já está no ar neste blog

Heriberto Coelho (foto) é destaque no programa, ele que é dono do Sebo Cultura onde nasceu o Fórum Metropolitano de Comunicação Comunitária, coletivo que deu origem à Abraço/PB e revitalizou o movimento de rádios livres e comunitárias na Paraíba.

Enviando os cumprimentos de fim de ano, o programa destaca também valorosos companheiros e companheiras do movimento, tais como:

Maxuel e Viviane da Amazona, Bartolomeu de Brejo dos Santos, Maria José, de Tavares, Roberto de Pilõezinhos, Rodolfo da Rádio Comunitária Alquimista de Mussumago, Petrônio de Catingueira e Joanes Leonel de Pedras de Fogo.

E mais:

Buda Lira da Piollin em João Pessoa, Flávio José de Cabedelo, Wellington Costa também de Cabedelo, Josenildo Faustino de Cacimba de Areia e José Givanildo de Serra Branca.

Sem esquecer:

José Arimatéia de Bayeux, Jaqueline Farias de Barra de Santana, Elizângela Paulino de Bayeux, da Rádio Casa Branca, Daniel Pereira do Centro Popular de Cultura e Comunicação, Rádio Comunitária Voz Popular da comunidade São Rafael, que Maria Juliana da Associação Juventude e Ação – AJA, Rádio Comunitária Independente do Timbó em João Pessoa, e Valdelice Rodrigues da CACTOS – Associação Comunitária de Educação e Cultura, Rádio Comunitária Cactos FM.

O programa destaca também:

Geilza Roberto, da Associação Comunitária dos Moradores de Mituaçu, Rádio Comunitária Mituaçu, Luiz Carlos Ferreira, nosso Lula da Rádio Umbu, de Umbuzeiro, Carlos Fábio, da Associação Comunitária Negra Nhandu, Rádio Comunitária Nhandu do sítio Lagoa, Severino Ramos da Rádio Araçá de Mari, Francisco Benício Segundo, da Associação Comunitária de Radiodifusão de Umburana Gangorra e Vertente em Jericó e Francisco Alves, da Associação Unir, Sentir, Pensar e Agir – USPAR, em São João do Tigre.

“Alô comunidade” mandou alô também para:

Magda Danyelle do Movimento Ajuda Mútua, em João Pessoa, extensivo a José Valentim, da Associação Cultural de Difusão Comunitária de Barra de Santa Rosa. Em Jacaraú, a Associação Comunitária Renascer, com a liderança do Severino Ramos.

Entre tantos companheiros e companheiras que acompanharam o programa durante 2011, ainda destacamos:

Associação dos Moradores e Agricultores do Bairro do Nordeste I – em Guarabira, na pessoa de José Maurício Ernesto eo considerado jornalista e radialista Josélio Carneiro, que nos ouve todos os sábados.

Ouça também o programa no blog:

www.fabiomozart.blogspot.com

O “Alô Comunidade” é produzido pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares e transmitido pela Rádio Tabajara (1.110 AM), reproduzido por sete rádios comunitárias e diversos blogs e sites.

O programa vai ao ar todos os sábados às 14h, com apresentação e produção de Dalmo Oliveira, Fábio Mozart, Clévia Paz e Adriana Felizardo, com reportagem de Fabiana Veloso e Marcos Veloso. Apoio técnico de Marcelo Ricardo e Jacinto Moreno.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

ABRAÇO CRIA SELO DE CERTIFICAÇÃO PARA RÁDIO COMUNITÁRIA


O Selo Abraço é uma certificação emitida pela Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária- ABRAÇO. Instituído no Brasil, será emitido pelas Filiadas de cada estado para as Associações Comunitárias que exploram o serviço de Radiodifusão, de acordo com os seguintes princípios:

Para receber a certificação “SELO ABRAÇO”, A Rádio Comunitária deverá ter como premissa fundamental o seguinte:

PRIMEIRO: a Radiodifusão Comunitária manterá como premissa fundamental a intransigente defesa e prática da democracia na sociedade, da qual é componente essencial à democratização dos meios de comunicação de massa, especialmente o rádio.

SEGUNDO: A Rádio Comunitária situa-se no campo dos movimentos populares, sendo seus associados comprometidos com os interesses e lutas destes setores sociais, marcadamente contra toda e qualquer forma de exclusão, discriminação e preconceito; seja de gênero, etnia, religião ou cultura, seja de condição político-sócio-econômica ou de opção sexual.

TERCEIRO: A Rádio se caracteriza como uma entidade de caráter cultural e comunitário, sem fins lucrativos, sendo a sua programação controlada pelo Conselho Comunitário, no qual os diversos setores da comunidade estão representados.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Rádio comunitária ganha cinco computadores


Moradores de Morro da Fumaça terão acesso à internet gratuitamente a partir de 2012. Isto porque a Associação de Rádio Comunitária de Morro da Fumaça recebeu dos Correios cinco computadores.

Os computadores são equipados com acesso a internet e estão disponíveis à comunidade na sede da Rádio Comunitária de Morro da Fumaça. Segundo o coordenador da rádio, Arlei Matos, a partir da primeira semana de 2012 haverá inscrições para cursos de computação para pessoas mais carentes.


“Quem quiser se inscrever basta comparecer aqui na rádio, contamos com o apoio da comunidade em geral”, comentou Arlei.

www.abraconacional.org

domingo, 25 de dezembro de 2011

Rádio Comunitária Lagoa FM promove natal em Lagoa de Dentro (PB)


A Rádio Comunitária Lagoa FM promoveu no dia 23 de dezembro, (sexta-feira), o Natal Feliz da Lagoa FM. Uma atividade que atraiu as crianças da cidade através de brincadeiras, gincanas, apresentações, poesia, show de calouros e outras atividades, tudo isso com a presença de Papai Noel e seus auxiliares, como também a presença de toda equipe da Rádio Lagoa FM.

O evento foi transmitido pela Rádio de oito da manhã até o meio dia. Na oportunidade, Papai Noel fez a distribuição de presentes e sorteios de brindes. Se você quiser ajudar doando um presente de qualquer valor entre em contato com a equipe da rádio pelos telefones: 83-3263-1113 ou 9314-1313, falar com qualquer pessoa dac rádio.

Feliz Natal e Feliz Ano Novo!!

Do blog da Rádio Comunitária Lagoa FM

sábado, 24 de dezembro de 2011

História da Rádio Comunitária Santa Marta


Há muito tempo um morador do morro Santa Marta pensava em instalar uma rádio comunitária. Sabemos que não é fácil para o projeto virar realidade. É preciso organização e articulação. Em agosto do ano 2002, Luiz Kleber ou Ske como era conhecido dentro e fora do Santa Marta, participou de uma reunião na PUC, universidade que fica na Gávea, Rio de Janeiro. A parti daí Ske alimentou esse sonho junto com seu amigo Lula. No início, Lula pensou que seria só uma conversa. Mas ao passar algum tempo, Ske e seu parceiro Lula foram articulando esse projeto. Algumas pessoas participaram diretamente nesse sonho. Pastor Valdeci, com sua positividade e articulação, levou Ske e Lula em alguns lugares para tentar ganhar os equipamentos para montar a sonhada rádio. Infelizmente naquele momento não foi possível. Seis anos se passaram e com muita persistência Ske e Lula conseguiram uma parceria. Enfim nascia a sonhada rádio. A ONG Promundo doa os equipamentos para a 1º rádio comunitária no morro Santa Marta.

Em fase de teste, Ske e Lula botaram no ar a rádio “SOM DA CASA FM 106,1”. Neste momento ímpar começa a formar um corpo a sonhada rádio. Ske e Lula convidaram pessoas para fazer parte desse projeto. João Batista, Fiell e pastor Valdeci, se colocam a participar desse projeto de forma voluntária. Juntos fazem muito planos. Kleber que estava se recuperando de um problema de saúde estava muito otimista que tudo estava acontecendo. Infelizmente a vida é uma caixa de surpresa e naquele momento de felicidade Luiz Kleber teve uma recaída e a rádio dá uma parada. No mês de março de 2010, Ske infelizmente não suportou e veio a falecer no hospital. Ficamos muito tristes e desanimados, pois ele era o nosso pai, líder e irmão. Uma nova realidade que tivemos de enfrentar sem nosso inesquecível Ske.

Lula andava muito desanimado pelos becos do morro Santa Marta, a ponto de não querer mais saber de rádio. Depois de algum tempo Lula encontra o Rapper Fiell e fala sobre dar continuidade à radio:

Lula – Fiell, não quero mais saber de rádio.

Fiell – Lula agora mais do que nunca, temos que continuar esse sonho que nosso parceiro Ske sonhou! Então naquele momento Lula e Fiell assumiram essa responsabilidade de dar prosseguimento à rádio abrangendo artistas, articuladores e moradores do morro Santa Marta para mostrar seus valores.

Em uma palestra na UFRJ na Praia Vermelha, Fiell junto com o ator Alan Barcelos reencontra o músico MARCELO YUKA (ex- O Rappa), depois de muito tempo. Yuka pergunta como vai o Visão da Favela Brasil e sobre o hip-hop Santa Marta que Fiell coordena. Ao falar das lutas e conquistas, Fiell tem uma grande surpresa. YUKA doa uma rádio ao Fiell e ao Visão da Favela Brasil. Yuka fala: – Fiell estou doando essa rádio para você, espero que faça bom proveito. Sei que você é um cara sério e irá tocar essa rádio da melhor forma possível. No dia seguinte Fiell liga para o Lula e fala do presente doado pelo músico Marcelo Yuka.

Fiell – Lula, é o seguinte: o Marcelo Yuka doou uma rádio para nosso coletivo Visão da Favela Brasil. Como entre nós não temos individualismo o que você acha de juntar tudo e montar uma rádio só? Iremos abrir para todos que queiram colocar um programa com seriedade. Lula – Tô junto Fiell. Vamos tocar esse projeto com seriedade. Dando continuidade, nomeamos a RÁDIO COMUNITÁRIA SANTA MARTA 103,3 FM em homenagem a todos os comunicadores e moradores que lutaram e lutam por uma favela melhor em especial ao Kleber. Onde o Luiz Kleber (Ske) estiver com certeza ele estará muito feliz. Ske está em nossos corações, pois nos irradiava com sua simplicidade e humildade. Ele nos mostrou que temos que acreditar em nossos sonhos porque sonhar não paga nada. Hoje, a rádio Santa Marta está no ar e ecoando informação, música e entretenimento nos becos e vielas onde Ske viveu e lutou por uma vida mais digna.

www.radiosantamarta.com.br

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Pastoril anima “Alô comunidade” de Natal


Neste sábado, 24 de dezembro, o programa “Alô comunidade” da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares destaca o Pastoril, do folclore natalino do Nordeste. E mais:

· Romualdo Palhano lança livro e acusa: ex-senador Gilvam Borges é o coronel eletrônico do Amapá.

· Ministério das Comunicações nega licença de funcionamento da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares.

· Heriberto Coelho anuncia bandas alternativas neste final de ano no Sebo Cultural.

· Secretaria da Cultura da Paraíba centra fogo na implementação do Sistema Nacional de Cultura.

· ANATEL fecha emissoras não outorgadas sob argumento de que “rádio comunitária derruba avião”.

· Rádios comunitárias da Paraíba comemoram natal dos pobrezinhos.

· Lagoa de Dentro festeja cinquentenário com programação especial na Rádio Comunitária Lagoa FM.

ESSAS E OUTRAS NOTÍCIAS DO MOVIMENTO DE RÁDIOS LIVRES E COMUNITÁRIAS DA PARAÍBA E DO BRASIL.

Rádio Tabajara AM (1.110) e mais sete emissoras comunitárias da Paraíba. - AMANHÃ, 24 de dezembro, 14 horas. - APRESENTAÇÃO: Fábio Mozart e Marcos Veloso.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

NO AMAPÁ

ANATEL interdita rádio comunitária de Pracuúba após intervenção do MP-AP

Vereadores do município denunciam que o veículo de comunicação estaria sendo utilizado com finalidades eleitorais

Em comunicado dirigido à Promotoria de Justiça de Amapá, a Agência Nacional de Telecomunicações – ANATEL informou que foi determinada a suspensão das atividades da emissora de rádio comunitária do Município de Pracuúba/AP.

Uma comissão de vereadores Município protocolou representação na Promotoria de Justiça de Amapá, denunciando que o veículo de comunicação estaria sendo utilizado com finalidades eleitorais, visando o pleito do próximo ano.

De imediato, segundo relatado pelo promotor de Justiça Alexandre Monteiro, “além de se exigir a documentação referente à regularidade da Associação que gerencia o veículo de comunicação, foi requisitada a realização de um estudo por parte da ANATEL, a fim de que fosse observado se, do ponto de vista técnico, a emissora atendia as normas do Ministério das Comunicações para o seu regular funcionamento”.

Por outro lado, o membro do Ministério Público Estadual informou que foi encaminhada cópia das peças do procedimento ao Ministério Público Federal, a fim de que tome ciência dos fatos denunciados e adote as providências que julgar necessárias.

SERVIÇO:
Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá

www.amapadigital.net



Rádio Comunitária Sintonia divulga direitos das crianças e capacita jovens na periferia de João Pessoa (PB)

Jovens recebem capacitação em locução


O Projeto Adolescentes nas Ondas da Rádio está na sua segunda versão através do financiamento do FMDCA - Fundo Municipal do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de João Pessoa, gerido pela SEDES/PMJP. O Projeto tem como objetivo proporcionar a inclusão social de crianças e adolescentes através da comunicação comunitária enquanto jovens comunicadores com veiculação de programas voltados para a garantia dos direitos conforme preconiza o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente.

A Rádio está instalada na área de abrangência da Ilha do Bispo com as caixas pé-de-poste e funciona de segunda a sexta nos turnos manhã e tarde com uma programação variada e feita por/para crianças e adolescentes. Os jovens comunicadores têm formação em técnicas vocais, manuseio de equipamentos, inclusão digital e oficinas temáticas acerca do ECA, como também de Saúde, Educação, Lazer, Cultura, Drogadição e Convivência em Grupo. Eles/as são dos Programas Projovem Adolescente, PETI e do Projeto ECA, todos executados pela ARCA. Para garantir a formação a funcionalidade da ARCA os protagonistas juvenis são acompanhados por um educomunicador que faz junto o planejamento da programação e das ações da Rádio Comunitária Sintonia. Mais informações confira o BLOG.: www.radiocomunitariasintonia.blogspot.com