Ouça nossa webradio

sábado, 31 de outubro de 2015


Hoje tem gravação do mais esculachado programa de opinião do rádio web brasileiro. É o Multimistura, com Marcos Veloso, Dalmo Oliveira, Fábio Mozart, Beto Palhano e quem mais chegar.

Será no estúdio da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares no bairro Ernesto Geisel, em João Pessoa, às 16 horas, depois do programa “Alô comunidade”, que começa às 15 horas com transmissão pela Rádio Tabajara da Paraíba e mais doze rádios comunitárias, rádios poste e rádios web na Paraíba do Norte.

O resultado do nosso papo descontraído sai amanhã, na Rádio Web Zumbi, às 10 horas.

Para ouvir:


quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Rádio aposta em tempo real e interatividade

Ouvido por 89% dos brasileiros, rádio aposta em tempo real e interatividade

por Gabriela Ferigato




Já decretaram seu fim diversas vezes, meras “barrigadas”. Foi assim com a chegada da televisão e com o crescimento da internet. Mas é claro que, como um senhor de noventa e poucos anos, o rádio teve que entender que a sociedade mudou. “Não era assim na minha época”, diria como a maioria dos avós. Como alguém que já viu e viveu de tudo um pouco, usou a experiência para se unir a todas as “ameaças”.

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Radialista Comunitária é assassinada no Espirito Santo



A presidente de uma rádio comunitária de Conceição do Castelo (ES), Soneide Dalla Bernadina, de 58 anos, foi assassinada com quatro tiros na noite de segunda-feira (19/10). O crime aconteceu próximo ao Centro do município, localizado na região Serrana do Estado.
Segundo a polícia, o assassinato aconteceu por volta das 21 horas. Soneide estava dentro do carro dela, um HB20 vermelho, esperando um enteado sair de uma aula de música que acontecia no Centro de Referência de Assistência Social (Cras).
O local também fica próximo a casa dela. O assassino se aproximou do banco da motorista e efetuou os disparos. Soneide morreu na hora.
Os pertences da mulher não foram levados pelo criminoso. A Polícia Militar de Conceição do Castelo chegou a fazer buscas na região e municípios vizinhos, com o auxílio de equipes de Venda Nova do Imigrante, mas até a manhã desta terça não havia localizado o autor do homicídio.
Soneide era fundadora e presidente da Rádio Comunitária 87 FM. Ela foi casada com o ex-vereador da cidade Tião Vargas, que faleceu em um acidente de carro em 2010.

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Alo Comunidade UNHANDEIJARA LISBOA VALDO ENXUTO

 



Nesta edição Fabio Mozart entrevista Unhandeijara Lisboa e Valdemir Enxuto Almeida sobre os patrimônios materiais e imateriais de Itabaiana. Produção e apresentação de Mozart. Sonoplastia de Maurício José Mesquita.

domingo, 25 de outubro de 2015

Novas normas simplificam concessões para rádios comunitárias e TVs educativas


O Ministério das Comunicações (MiniCom) publicou, recentemente, as novas regras para os serviços de rádio e TV comunitárias no Brasil. A finalidade dos novos textos é reduzir os trâmites burocráticos para que as fundações e associações sem fins lucrativos possam obter as licenças para a operação de rádios e TVs comunitárias.
A partir da publicação dessas novas normas, as organizações interessadas em acessar os meios comunitários deverão apresentar sete documentos, em vez de 33, como anteriormente se exigia, durante o processo de seleção para as operações comunitárias.

A diminuição da burocracia começou com a criação, em março deste ano, do Grupo de Trabalho de Desburocratização e Simplificação dos Processos de Radiodifusão (GTDS). O ministro das Comunicações, na data da publicação das novas regras, Ricardo Berzoini, considerou que as novas disposições legais vão acelerar a regulação dessas rádios e facilitar a fiscalização. "Além disso, a desburocratização deve gerar uma ampliação no número das rádios comunitárias e educativas em todo o país”, assinalou.

A normativa nº 4334/2015 revoga a norma anterior sobre radiodifusão comunitária e simplifica os procedimentos para o radiodifusor. Não se exigirá mais a apresentação do projeto técnico da emissora. Também regulamenta as situações que configuram vínculo político, religioso, comercial e familiar dos dirigentes das entidades interessadas. Caso se comprove o vínculo, o Ministério pode negar o processo da entidade solicitante de uma concessão de rádio comunitária.

A normativa também permite ao Ministério das Comunicações abrir convocações de seleção de rádios comunitárias a qualquer momento, além dos previstos no Plano Nacional de Concessões. Essas convocatórias para a criação de novas emissoras, no entanto, devem contemplar exclusivamente comunidades tradicionais, como assentamentos rurais, áreas quilombolas e indígenas.

Segundo dados do MiniCom, no Brasil, existem 4.222 entidades autorizadas a gerirem emissoras comunitárias. Outras 1.882 esperam a renovação das concessões e podem beneficiar-se da normativa publicada recentemente.

TVS Educativas
A normativa nº 4335/2015 estabelece o trâmite relacionado à obtenção de licenças de rádio e TV educativas. A lista de documentos diminuiu de 18 para quatro, no caso de entidades privadas, e de 5 para 1 quando as interessadas foram entidades públicas.


Fonte: FNDC

sábado, 24 de outubro de 2015

Programa radiofônico discute patrimônio histórico de Itabaiana neste sábado

Unhandeijara Lisboa, mestre das artes visuais

O programa “Alô comunidade” recebe hoje, sábado, 24, o mestre em artes visuais Unhandeijara Lisboa e o sindicalista Valdo Almeida para debate sobre preservação dopatrimônio histórico, cultural, artístico, turístico e paisagístico da cidade de Itabaiana, com a participação da poetisa Renaly Oliveira, do Núcleo de Patrimônio Histórico do Ponto de Cultura Cantiga de Ninar. Tem início às 14 horas pela Rádio Tabajara da Paraíba AM, na frequência 1.110 KHZ. 
“Alô comunidade” é um programa da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares em parceria com a Rádio Tabajara da Paraíba AM – Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, Coletivo de Jornalistas Novos Rumos, Sociedade Cultural Posse Nova República.

Ouça em tempo real pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares:

Ou pelo site da Rádio Tabajara da Paraíba AM (1.110 KHZ):

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Alo Comunidade 17102015 TANIA CORREIA

 



Nesta edição entrevistamos a professora Tânia Correia que fala sobre ensino e racismo. Produção e apresentação de Dalmo Oliveira. Locução de Beto Palhano. Sonoplastia de Maurício José Mesquita.

domingo, 18 de outubro de 2015

Radialista é condenado à prisão por transmitir missa em rádio comunitária no Sertão do Piauí

Radialista diz que foi pego de surpresa. Ele desenvolve trabalho comunitário e voluntário. Condenação ocorreu porque emissora transmitia a missa católica

Por: Orlando Berti, direto do Sertão do Piauí*
O radialista Severino Tomaz de Carvalho passa por uma das situações mais absurdas que já envolveu um comunicador e a Justiça no estado do Piauí. Ele foi condenado a dois anos de reclusão por ter transmitido missas da igreja católica de sua cidade, São Francisco de Assis do Piauí (a 500 quilômetros de Teresina), na emissora de rádio comunitária em que é diretor, a Serra FM.
Severino Carvalho: de trabalho comunitário no Sertão a condenado por agir em FM comunitária. Foto: Serra FM
Depois de quase oito anos de brigas judiciais a decisão condenatória de Severino Carvalho saiu no meio da semana. Dois anos de reclusão.
Seu crime? Transmitir as missas da igreja católica da cidade. Na época era a única instituição religiosa de São Francisco de Assis do Piauí (a cidade de menor IDH no estado e um dos cinco municípios piauienses com maior número de população rural).
O caso ocorreu em 09 de novembro de 2007. Nesse período a rádio Serra FM já era uma emissora legalizada.
Segundo sentença expedida pela Justiça Federal no Piauí Severino Carvalho cometeu crime de desenvolver atividade clandestina de telecomunicação, previsto no artigo 183, da Lei 9.472/97. A sentença, de oito páginas, foi assinada pelo juiz da 1ª Vara Federal do Piauí, Francisco Hélio Camelo Ferreira.
A decisão do magistrado foi uma provocação de uma fiscalização da Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações.
Severino Carvalho teria sido flagrado com um link (aparelho para transmissão de som de um lugar para outro) em uma fiscalização de membros da Anatel, da Unidade Operacional sediada na capital do Piauí.
Parte da sentença que condena radialista e explicita que foi por causa de transmissão em link. Foto: Reprodução
O comunicador foi multado pela Agência, alvo de inquérito na Polícia Federal, alvo de denúncias do Ministério Público Federal e condenado pela Justiça Federal pelo fato de ser o presidente da associação que mantém a rádio.
Em várias vezes Severino Carvalho foi ouvido sobre o caso. A última delas foi em uma audiência no final de agosto deste ano. Sua sentença o pegou de surpresa no meio deste mês. “Foi bem rápido, desde a última vez em que me ouviram e também porque fui condenado. Aqui a rádio só faz o bem”, reclamou.
O comunicador disse que não sabia que era crime transmitir uma missa através de um link. Esse aparelho sequer era da rádio. O link tinha sido doado pela Igreja Católica da cidade justamente para que as celebrações pudessem chegar às comunidades da zona rural, a maioria da população da cidade.
“Acontecia somente uma vez por semana. Era só uma missa por semana. O link era exclusivo para isso”, destacou o comunicador.
Na época fazer esse tipo de transmissão era crime. Atualmente não é mais. A emissora continua transmitindo a missa, mas dessa vez via cabo. São 600 metros de cabo entre a Igreja de São Francisco de Assis até a sede da Serra FM, ambas no Centro da cidade.
A Serra FM também tem programas das três únicas igrejas evangélicas da cidade. “Aqui todo mundo que procura tem espaço”, garantiu o diretor, complementado que também há programas dos dois únicos sindicatos do município: dos Servidores Públicos Municipais e dos Trabalhadores Rurais.

sábado, 17 de outubro de 2015

Rádio comunitária não perde a majestade em Aparecida (PB) e vira tema de filme

Mikaely de Sousa retratou a rádio Acauã

Na pequena cidade de Aparecida, na Paraíba, o rádio ainda é o canal de comunicação preferido dos mais antigos. Quem conta a história da Rádio Comunitária Acauã é a estudante de Jornalismo, Mikaely de Sousa Batista, moradora do município, selecionada pela quinta edição do Revelando os Brasis. As cenas do documentário foram gravadas na primeira semana de 2015. Mikaely é uma das moradoras de pequenas cidades com até 20 mil habitantes selecionadas pelo Concurso Nacional de Histórias do Revelando os Brasis - Ano V, primeira etapa do projeto. Após terem suas histórias escolhidas, os autores foram para o Rio de Janeiro a fim de estudar noções sobre roteiro, produção, direção, fotografia, direção de arte, som, dentre outras matérias, na fase de formação da iniciativa.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Semana pela Democratização da Comunicação em 13 estados


A Semana Nacional pela Democratização da Comunicação tem atividades confirmadas em pelos menos 13 estados de todas as regiões do país. São inúmeras ações previstas, que vão desde panfletagens, debates, audiências púbicas, rodas de conversa, minicursos, oficinas, até intervenções culturais, atos políticos e festas temáticas.

Convocada pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação, a ‘Semana’ tem por objetivo a atenção sobre a importância da atualização do marco legal para as comunicações, que contemple todos os setores da sociedade, com ênfase no apoio e coleta de assinaturas ao Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Mídia Democrática e cobrar do Poder Público medidas imediatas para avançar na garantia e promoção da liberdade de expressão.

Vale lembrar que menos de dez grupos familiares concentram os principais meios de comunicação no Brasil, numa verdadeiro esquema de monopólios e oligopólios em âmbito regional e nacional. Além disso, cerca de 25% dos senadores e 10% dos deputados controlam concessões de rádio e televisão, violando a Constituição Federal de 1988 e desequilibrando o jogo democrático da representação política. A violação de direitos humanos praticada pela mídia e falta de equilíbrio entre emissoras públicas, comunitárias e comerciais se soma a todo esse cenário de pouca diversidade e pluralidade de ideias, impactando seriamente sobre as condições para o exercício pleno da nossa democracia.

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

ALO COMUNIDADE 214 MARCELO PIANCÓ

 



Nesta edição Fábio Mozart faz uma entrevista risonha com  o humorista Marcelo Piancó. Produção e apresentação de Fábio Mozart. Sonoplastia de Maurício José. Edição de audiovisual para Youtube de Dalmo Oliveira.

sábado, 10 de outubro de 2015

Hoje tem humor e poesia no “Alô comunidade”



Marcello Piancó é o convidado de hoje no “Alô comunidade”, programa do Ponto de Cultura Cantiga de Ninar e Coletivo de Jornalistas Novos Rumos, produzido pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares e transmitido pela Rádio Tabajara da Paraíba AM e mais doze rádios comunitárias e portais na internet.

Piancó nasceu em Piancó, conforme denuncia o nome do cabra. Desde criancinha faz presepadas. Por ser meio gordinho, seu físico ajudou, porque “todo gordo é simpático”. Virou humorista, um dos melhores artistas desse setor na Paraíba do Norte e destacado no cenário nacional. Até no Show do Tom, da Rede Recorde, ele mostrou seu gabarito contando piadas e paródias.

O Marcello é até internacioná, pra quem não sabe. Atuou na campanha do FMNL, partido de El Salvador, na América Central. Essa e outras peripécias ele conta e canta no “Alô comunidade” de hoje.

Começa às 14 horas. Pela internet, você escuta no link:



(Do blog Toca do Leão) 

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Projeto propõe fim de oligopólios familiares que controlam mídia



Mídia monopolizada não interessa à cidadania



O Fórum Nacional para Democratização das Comunicações (FNDC) programou uma série de eventos neste mês de outubro para colher 1,42 milhão de assinaturas necessárias para o encaminhamento ao Congresso Nacional de um projeto de lei de iniciativa popular para democratização da mídia no país. 
O objetivo do esforço é estabelecer uma legislação nacional, aprovada pela Câmara e o Senado, que amplie a participação da sociedade nos meios de comunicação nacionais por meio da regulamentação da mídia.


terça-feira, 6 de outubro de 2015

MiniCom recebe até sexta-feira (9) lista de associações do meio rural para Rádios Comunitárias


Depois de vários debates em Brasília-DF, ficou acertado entre a CONTAG (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura), representantes de vários movimentos sociais do campo e Governo Federal, que o prazo para apresentar ao Ministério das Comunicações a lista de associações comunitárias ou fundações do meio rural que estão dentro dos 699 municípios do Plano Nacional de Outorga e que querem garantir acesso às rádios comunitárias, passa para o dia 08 de outubro.


sábado, 3 de outubro de 2015

ALO COMUNIDADE 213 JOELMA OLIVEIRA

 



Nesta edição repercutimos a eleição para conselhos tutelares em João Pessoa com uma entrevista exclusiva com a comunicóloga Joelma Oliveira. O programa traz ainda sonoras com Jerry Oliveira e Clementino Lopes que falaram da sessão especial na Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Deputados que discutiu a criminalização contra as rádios comunitárias no Brasil. A entrevista foi concedida ao jornalista Jonas Rodeghiero. O programa traz ainda a participação especial do jornalista Claudio Monteiro, que comenta o Encontro Nacional de Jornalistas em Assessoria de Imprensa (ENJAI), direto de Fortaleza (CE). Produção e apresentação de Dalmo Oliveira. Locução de Beto Palhano. Sonoplastia de Maurício José Mesquita.

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Cerca de 761 cidades de todo o Brasil terão novas rádios comunitárias


Comunitárias promovem a cultura local
O Ministério das Comunicações vai possibilitar que novas rádios comunitárias passem a funcionar em 761 municípios brasileiros. É o que prevê o Plano Nacional de Outorga (PNO) 2015/2016 de radiodifusão comunitária, lançado na tarde desta sexta-feira (25) pelo Ministério das Comunicações.